Doce de leite sem açúcar? Sim, existe e é demais!

5 from 1 vote
doce de leite sem açúcar

Não existe doce mais latino do que o doce de leite. Tanto é que nem há tradução de seu nome para o inglês. Nos Estados Unidos, chamam de dulce de leche mesmo, em espanhol, e ele dá vida principalmente a recheios de tortas e bolos. Hoje, você aprende a fazer uma versão incrível: o doce de leite sem açúcar.

No Brasil, tudo é desculpa para usar qualquer variedade que seja, não é mesmo? Sonho, churros e até pão de queijo, enfim, vai em tudo. Embora o nosso doce de leite mineiro seja uma delícia, não podemos nos esquecer de que os vizinhos da Argentina também fazem um doce de leite de tirar o chapéu. Afinal, quem resiste aos alfajores e folhados generosamente recheados dos nossos hermanos?

Para se deliciar com o doce de leite sem culpa na consciência, hoje vou ensinar a fazer um tipo caseiro e sem açúcar! Além de muito gostosa, essa receita é muito fácil de fazer. Ao contrário de outras que já encontrei na internet, não precisa de panela de pressão ou vidro em banho-maria.

Doce de leite sem açúcar

5 from 1 vote

Ingredientes
  

  • 2 latas de creme de leite
  • 150 g de xilitol

Instruções
 

  • Adicione, em uma panela, os dois ingredientes.
  • Mexa a mistura em fogo médio até engrossar e ganhar uma cor âmbar.
  • Pronto! É só aproveitar!

Inscreva-se agora para obter as melhores receitas todas as semanas!

Origem da iguaria

A origem do doce de leite está ligada à expansão da produção de açúcar nas ilhas ibéricas atlânticas, no século XV, e no Brasil, na América Central e nas Antilhas, a partir do século XVI.

Isso porque o açúcar era usado para a preservação de vários produtos perecíveis, entre eles o leite, levando o doce a todo o continente latino e à região ibérica.

Segundo os argentinos, a criação do doce de leite foi um acidente. Ele teria sido criado por Juan Manuel de Rosas, um político argentino do século XIX, que estava preparando um pouco de leite quente numa tarde de inverno quando alguém bateu à sua porta. Enquanto atendia à visita, esqueceu a panela no fogo, criando, assim, o doce. Em quem você acredita?

Leia também:

Variações do doce

Embora o doce de leite seja bastante popular em países como Brasil, Argentina, México e Venezuela, os franceses também têm uma quedinha por ele. Chamado de confiture de lait, pessoas da região da Normandia o apreciam bastante, onde costuma ser aromatizado com avelãs e chocolate.

Na Venezuela, misturá-lo ao chocolate também é uma tradição. Já no México, o leite de cabra costuma ser misturado à receita.

Aqui no Brasil, podemos encontrar o doce em diferentes versões. Quando cremoso, é perfeito para servir de recheio ou cobertura. Quem nunca passou no pãozinho fresco no café da manhã ou no lanche da tarde?

A versão talhada, por sua vez, é a própria sobremesa. E fica melhor ainda quando misturado com coco ralado ou canela. Ainda temos a versão de corte, durinha, famosa nas festas juninas, mas que faz sucesso o ano todo.

Doce de leite sem açúcar: liberado para os pequenos

A receita que você vai aprender a fazer a seguir é tão boa quanto a do doce de leite cremoso original e leva somente dois ingredientes: creme de leite e xilitol. Sirva esse adoçante para as crianças sem risco algum por ser de uma fonte natural, assim como a estévia, mas sem aquele gostinho residual.

Além disso, o xilitol é fonte de minerais e ainda previne o aparecimento de cáries por impedir a fermentação de bactérias na boca. Vamos à receita?

Olá! Eu sou a Ariana Pazzini.

Eu criei esse blog para compartilhar receitas simples do dia a dia para famílias. Hoje em dia já não faço parte do blog porém as receitas continuam no meu coração.

Inscreva-se agora para obter as melhores receitas todas as semanas!

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Gostou da Receita?




Receitas pra você

Carne seca com abóbora: receitas de dar água na boca

A combinação de carne seca com abóbora é muito famosa na culinária, afinal, essa mistura é muito saborosa e vai bem em muitos pratos diferentes, desde entradas, pratos principais,…

10 molhos para petiscos e porções: opções deliciosas!

Os molhos fazem toda a diferença quando estamos apreciando uma deliciosa porção, não é mesmo? Em lanches e salgados, como um saboroso Shawarma ou uma bela esfirra de carne…

Aprenda a fazer Shawarma, o famoso prato grego

O Shawarma é uma receita que já ganhou o coração dos brasileiros. Seja como comida de rua, prato de um restaurante ou até uma receita caseira, esse sanduíche é…

Canjica zero açúcar: cremosa e saudável

Hoje, eu trouxe para você esta deliciosa canjica zero açúcar para saciar a fome e não fugir da dieta. Prato tradicional da nossa Festa Junina, comer um canjiquinha quentinha…

O que é yakisoba? Aprenda tudo sobre esse prato delicioso!

O yakisoba é um prato muito popular na culinária japonesa, e significa literalmente “macarrão frito em molho”. É um prato feito com macarrão refogado com legumes e proteínas, temperados…

Shimeji na manteiga: delicioso e nutritivo!

O shimeji é um dos cogumelos mais presentes na culinária japonesa e asiática em geral. Rico em “Umami” e de sabor inconfundível (um dos cinco sabores básicos da Ásia…