Falafel na airfryer: simples e delicioso!

falafel na airfryer

Falafel é um delicioso prato que tem suas origens no Oriente Médio. Ele se assemelha bastante a almôndegas, porém, não utiliza carne para ser feito. Como é vegetariano, é preparado geralmente com grão de bico moído com cebola e ervas. E pode ser consumido tanto como lanche ou como aperitivo.

Uma alternativa de preparo é fazê-lo frito na frigideira com óleo, porém, podemos utilizar a airfryer e deixá-lo ainda mais saudável.  

Acompanhamentos perfeitos para a receita 

Geralmente é servido no pão sírio (pita) com alface, pepino, tomate e tahini, mas você pode servi-lo com hummus, cuscuz e até mesmo com arroz.

Também existem diversas opções:  

  • Hummus de beterraba vegano: é comum servir falafel com cebola roxa, tomate, pepino, hummus e pedaços de pita em um prato. Então, para saborear, basta passar qualquer um dos ingredientes no hummus e comer! Por outro lado, uma boa alternativa é preparar hummus de beterraba para deixar tudo ainda mais colorido e agradável aos olhos.  receita de hummus de beterraba (receita vegana)
  • Como nas ruas de NY: é comum ver por lá diversos carrinhos de rua que servem pitas com molho tahini, picles, tomate, cebola roxa e falafel. Nesse caso, você pode montar os ingredientes como se estivesse preparando um taco mexicano 
  • Em uma refeição completa: Organize em um prato falafel, arroz e uma deliciosa salada de tomate e pepino.  
  • Como petisco: Você pode preparar uma tigela de falafel frito e consumi-los com molho de pimenta. Aliás, é uma ótima alternativa vegana para o quibe frito.  
  • Salada de cuscuz israelense com legumes assados: a salada de cuscuz utiliza ingredientes baratos e que combinam muito com falafel.  acompanhamento para falafel

Falafel é vegetariano? E vegano? 

Essa receita originalmente é vegana e vegetariana, pois tem como base apenas alimentos sem origem animal.

Além disso, a maior parte de seus acompanhamentos também são veganos, como pão pita, saladas e legumes em conserva.  

Falafel fica mais saudável se feito na airfryer? 

Mas se você quiser deixar essa receita ainda mais saudável, é possível utilizar a airfryer para o seu preparo. Assim, você evita fritura em óleo ou manteiga.

Mesmo se decidir usar um pouco de óleo, a quantidade será bem menor durante o preparo na airfryer em comparação a quantidade usada na frigideira.  

É importante evitarmos fritar alimentos em óleo pois, quando o óleo é submetido a altas temperaturas. Isso porque ele acaba atingindo o “ponto de fumaça”, momento em que a gordura começa a queimar, deixando-a ainda mais saturada.

Essa gordura saturada é matéria prima para o corpo produzir o colesterol LDL, que chamamos de “colesterol ruim”, aumentando o risco de doenças cardiovasculares. 

Portanto, é uma boa alternativa utilizar a airfryer e procurar a maneira correta de como usar o equipamento para aumentar o uso desse aparelho no preparo dos seus alimentos.  

Dicas para o falafel feito na airfryer 

  1. Antes de mais nada, deixe o grão-de-bico na água durante a noite.  
  2. Depois, cozinhe durante o tempo certo: para obter falafel dourado e crocante, deixe-o na fritadeira de 10 a 15 minutos, em 180°C. Durante o preparo, confira como eles estão abrindo a gaveta da fritadeira para verificar se já atingiram a cor certa, pois o tempo de cozimento pode variar de acordo com o tamanho do falafel. Então, tente sacudir a cesta para que todos os lados fritem por igual.  
  3. Não deixe a massa muito mole: é importante que ela esteja consistente antes de ser colocada na fritadeira, se estiver muito mole, tente espremê-la com as mãos para tirar o líquido em excesso.  
  4. Em seguida, deixe a massa descansar na geladeira por cerca de 2 hora antes de moldá-la. Desse modo, ela terá uma consistência mais firme.  
  5. Então, tente fazer com que as bolinhas tenham o mesmo tamanho para serem cozidas igualmente dentro da fritadeira.  
  6. Durante o preparo, dê preferência ao grão de bico seco ao invés de grão de bico cozido e enlatado.  
  7. Aliás, tempere bem do jeito que mais te agrada. Hortelã e salsa são ótimas alternativas de tempero, assim como também a pimenta. O tempero é o que fará toda a diferença na sua receita e você pode variar como quiser.  
  8. Por fim, caso prefira, você pode pincelar um pouco de óleo na cesta da fritadeira para evitar que ele grude ou nas próprias bolinhas de falafel.  

Posso guardar por quanto tempo na geladeira? E no freezer? 

É possível preparar a receita e armazená-la na geladeira. Mas, deixe as bolinhas já prontas cozidas por até 3 dias na geladeira em um pote hermético.  

Para congelá-los, basta seguir os passos a seguir:  

  • Em primeiro lugar, pré-cozinhe uma boa quantidade e deixe esfriar. 
  • Em seguida, coloque-os em um saco ziplock hermético, retirando todo o ar antes de selar a embalagem. 
  • Por último, leve ao congelador. 

Nesse caso, o falafel permanece bom para o consumo por até 3 meses no congelador.  

Como reaquecer o falafel?  

Para reaquecer o falafel que estava na geladeira, dê preferência ao micro-ondas. Mas, também é possível reaquecê-lo congelado utilizando a airfryer, basta deixá-los por cerca de 15 minutos a 325°C. Aliás, lembre-se de sempre conferir durante esse tempo.  

Posso fazer esta receita no forno? 

É possível fazer essa receita no forno. Antes de mais nada, em uma assadeira, coloque o falafel e asse a 375°C por cerca de 30 minutos. Então, quando atingir os primeiros 15 minutos de cozimento, abra o forno e vire as bolinhas, para que cozinhem homogeneamente.  

Falafel feito na airfryer

Falafel caseiro e sequinho feito na airfryer
Tempo de Preparação 20 mins
Tempo para Cozinhar 15 mins
Course Acompanhamento, Snack
Cozinha Arábe
Quantidade 12 bolinhos

Equipamento

  • Airfryer
  • Processador de alimentos
  • Tigela

Ingredientes
  

  • 1 und cebola pequena (picada)
  • 3 unds dentes de alho (picados)
  • ¼ xícara (de chá)  de salsa
  • ¼ xícara (de chá) de coentro
  • 1 colher (de chá) de cominho
  • 1 colher (de chá) de coentro em pó
  • 1 colher (de chá) de sal
  • ½ colher (de chá) de pimenta do reino moída
  • ¼ xícara (de chá)  de farinha de trigo integral
  • 450 g  de grão de bico cozido (sem caldo)

Instruções
 

  • Junte os ingredientes.
  • Adicione a cebola, alho, salsa, coentro, cominho, coentro, sal, pimenta e farinha ao seu processador de alimentos. Misture até ficar bem picado.
  • Seque o grão-de-bico o melhor que puder com toalhas de papel. Adicione o grão de bico ao processador de alimentos e pulse-o suavemente até que o grão de bico seja picado e misturado com as especiarias. Não misture demais ou ele se tornará hummus!
  • Coloque a mistura de falafel em uma tigela, cubra e leve à geladeira por cerca de 2 horas.
  • Forme 12 bolinhas com a massa, polvilhando com mais farinha de trigo integral conforme necessário, utilizando uma colher. Coloque-os em um prato enquanto os forma. Lembre-se de fazer uma quantidade que caiba em sua fritadeira.
  • Pré-aqueça a fritadeira a 180°C.
  • Utilize um spray de óleo para passar uma leve camada de óleo nas bolinhas ou pincele com cuidado óleo nas mesmas. Frite o falafel por 15 minutos, virando as bolinhas durante o tempo até dourar levemente.
  • Deixe esfriar um pouco no cesto da fritadeira.
    como fazer falafel na airfryer
  • Sirva com pita, tzatziki, hummus e vegetais frescos. Coloque em uma pita ou sirva em cima de uma tigela de arroz.
    falafel na airfryer

Inscreva-se agora para obter as melhores receitas todas as semanas!

Olá! Eu sou a Ariana Pazzini.

Eu criei esse blog para compartilhar receitas simples do dia a dia para famílias. Hoje em dia já não faço parte do blog porém as receitas continuam no meu coração.

Inscreva-se agora para obter as melhores receitas todas as semanas!

2 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Gostou da Receita?




Receitas pra você

Carne seca com abóbora: receitas de dar água na boca

A combinação de carne seca com abóbora é muito famosa na culinária, afinal, essa mistura é muito saborosa e vai bem em muitos pratos diferentes, desde entradas, pratos principais,…

10 molhos para petiscos e porções: opções deliciosas!

Os molhos fazem toda a diferença quando estamos apreciando uma deliciosa porção, não é mesmo? Em lanches e salgados, como um saboroso Shawarma ou uma bela esfirra de carne…

O que é yakisoba? Aprenda tudo sobre esse prato delicioso!

O yakisoba é um prato muito popular na culinária japonesa, e significa literalmente “macarrão frito em molho”. É um prato feito com macarrão refogado com legumes e proteínas, temperados…

Aprenda a fazer Shawarma, o famoso prato grego

O Shawarma é uma receita que já ganhou o coração dos brasileiros. Seja como comida de rua, prato de um restaurante ou até uma receita caseira, esse sanduíche é…

Shimeji na manteiga: delicioso e nutritivo!

O shimeji é um dos cogumelos mais presentes na culinária japonesa e asiática em geral. Rico em “Umami” e de sabor inconfundível (um dos cinco sabores básicos da Ásia…

Salada De Lentilha: Rápida e Super Saborosa!

Se tem uma coisa que não dispenso é uma boa salada. Quanto mais variada melhor. Por isso, sempre faço questão de compartilhar minhas aventuras com verduras, leguminosas e grãos…