Mitos e verdades sobre os produtos orgânicos

sopa de legumes

Não é novidade para mais ninguém que os produtos orgânicos vêm tomando seu lugar no consumo de alimentos brasileiro.

É muito comum irmos ao mercado e encontrarmos prateleiras isoladas e dedicadas somente aos produtos orgânicos.

No entanto, ainda assim existem diversos mitos e verdades que rondam o assunto e que, nem sempre, sabemos diferenciar qual é mito e qual é verdade.

Confira então algumas dicas que separei para você sobre alimentos orgânicos!

alimento organico

Produtos orgânicos são mais saudáveis?

Por mais que ainda existam diversos estudos científicos a serem feitos para se entender mais sobre os alimentos orgânicos, podemos dizer que SIM. Eles são mais saudáveis.

Se formos pensar na saúde de forma geral, os produtos orgânicos possuem características que são benéficas.

Um dos grandes exemplos é que não se utilizam agrotóxicos para o seu cultivo, o que tira boa parte da “contaminação” destes alimentos.

Além do mais, eles não possuem aditivos a não ser o adubo natural para aumentar a taxa de crescimento dos alimentos.

Orgânico e integral é a mesma coisa?

Não! É importante que saibamos diferenciar um pouco as nomenclaturas.

Um alimento orgânico é aquele que foi produzido sem a utilização de nenhum tipo de agrotóxico ou aditivo sintético.

Eles podem ser de origem vegetal e animal.

Enquanto isso, os alimentos integrais são aqueles que não passam por nenhum tipo de processamento depois de colhidos.

Neste caso não são refinados ou aditivados com emulsificantes ou produtos químicos para garantir seu tempo nas prateleiras.

Estes alimentos geralmente são encontrados com todas as suas partes e por isso possuem propriedades nutricionais maiores.

Verduras hidropônicas e orgânicas são a mesma coisa?

o que é um alimento orgânico

MITO! O sistema de hidroponia é aquele que utiliza a água como base para a plantação das plantas.

A grande diferença é que um alimento hidropônico faz parte de uma classe de alimentos cujo cultivo nem sempre ocorre sem a adição de algum tipo de adubo.

Como a água não possui os mesmos nutrientes que a terra, é preciso aumentar a nutrição do alimento com adubos solúveis, que podem ser sintéticos e neste caso, tiram o alimento do rol orgânico.

Produtos orgânicos são mais caros?

ovo caipira orgânico

VERDADE! Os produtos orgânicos, na maioria das vezes, são relativamente mais caros que os não orgânicos.

Mas isso é um processo natural já que a produção ocorre em menor escala e o tempo de colheita, por ser natural, demora mais.

Sua disponibilidade também é limitada, então é preciso colocar nossa saúde em xeque para discernir se vale a pena.

O uso de agrotóxico e pesticida é o mesmo?

MITO! Embora as duas nomenclaturas sejam utilizadas associadas na maior parte do tempo, na verdade são coisas diferentes.

A diferença é que o agrotóxico é um termo previsto em lei que abrange um grande grupo de produtos químicos aplicados na indústria agrícola.

Os pesticidas são agrotóxicos, já que é um produto químico aplicado na lavoura, mas é específico para um determinado tipo de função.

Preciso sempre lavar alimentos orgânicos? O agrotóxico vai embora?

VERDADE! Você precisa lavar todo alimento depois de comprar e antes de consumir.

Isso porque a cadeia de produção é longa, e ele passa por diversas “mãos” antes de chegar à nossa casa.

Então, ainda mais em tempos de pandemia, é importante que lavemos bem os alimentos.

Em relação aos agrotóxicos, somente lavar os alimentos não consegue retirar por completo a carga química dos alimentos.

Neste sentido, produtos orgânicos não levam agrotóxicos, então a chance de se contaminar com os produtos químicos é mínima.

A produção orgânica pode alimentar o mundo inteiro?

Um estudo da Universidade Estadual de Washington, nos Estados Unidos, aponta que a agricultura orgânica pode SIM alimentar a população de maneira eficaz.

Se observarmos pela visão ambiental e sustentável, os alimentos orgânicos levam menos produtos químicos ao solo.

Sendo assim, é possível que o solo tenha maior quantidade de nutrientes para que outros produtos orgânicos possam ser cultivados de forma eficiente.

Se você assim como eu gosta dos alimentos orgânicos, não deixe de conferir o post sobre ovos caipiras e orgânicos!

Lembre-se também de nos seguir no Instagram e participar de nosso grupo no Facebook para ficar por dentro das novidades.

Espero ter ajudado 😊

Olá! Eu sou a Ariana Pazzini.

Eu criei esse blog para compartilhar receitas simples do dia a dia para famílias. Hoje em dia já não faço parte do blog porém as receitas continuam no meu coração.

Inscreva-se agora para obter as melhores receitas todas as semanas!

Uma resposta

  1. Pingback: Como evitar resíduos de pesticidas nos alimentos | A casa encantada

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Receitas pra você

Panqueca de abobrinha: receita gostosa e saudável para você

Que tal uma panqueca de abobrinha bem levinha e saborosa para comer a qualquer hora do dia? Se você está procurando uma receita bem simples e cheia de nutrientes…

Carne seca com abóbora: receitas de dar água na boca

A combinação de carne seca com abóbora é muito famosa na culinária, afinal, essa mistura é muito saborosa e vai bem em muitos pratos diferentes, desde entradas, pratos principais,…

10 molhos para petiscos e porções: opções deliciosas!

Os molhos fazem toda a diferença quando estamos apreciando uma deliciosa porção, não é mesmo? Em lanches e salgados, como um saboroso Shawarma ou uma bela esfirra de carne…

Aprenda a fazer Shawarma, o famoso prato grego

O Shawarma é uma receita que já ganhou o coração dos brasileiros. Seja como comida de rua, prato de um restaurante ou até uma receita caseira, esse sanduíche é…

Canjica zero açúcar: cremosa e saudável

Hoje, eu trouxe para você esta deliciosa canjica zero açúcar para saciar a fome e não fugir da dieta. Prato tradicional da nossa Festa Junina, comer um canjiquinha quentinha…

O que é yakisoba? Aprenda tudo sobre esse prato delicioso!

O yakisoba é um prato muito popular na culinária japonesa, e significa literalmente “macarrão frito em molho”. É um prato feito com macarrão refogado com legumes e proteínas, temperados…